ACTIVIDADE DOCENTE 2010/11

- Professor Auxiliar a tempo integral da Universidade Lusíada de Lisboa - cadeiras de: Organizações Criminosas (2º. Semestre do 2º. ano) e Terrorismo (1º. Semestre do 3º. ano), ambas da Licenciatura em Políticas de Segurança.

- Professor Auxiliar (a tempo parcial) da Universidade Lusíada do Porto, onde leciona a cadeira "Criminalística e Investigação Criminal, na Licenciatura em Criminologia (1º Semestre 2º ano).

- Professor Auxiliar Convidado (a tempo parcial) do ISCS/EM- Instituto Superior de Ciências da Saúde "Egas Moniz" (Monte da Caparica), na Licenciatura de Ciências Forenses e Criminais. Regente da Cadeira de “Análise da Cena do Crime II” (1º. ano - 2º. Semestre), onde lecciona o módulo de Criminalística. Membro do Conselho Científico da respectiva Licenciatura e da Comissão de Ética do referido Instituto.

- Co-coordenador de uma das Unidades Curriculares e Professor das cadeiras de Terrorismo/Violência Religiosa (9 de Novembro de 2010) e de Criminalista/Polícia Científica (15 de Março de 2011) do 7º. Curso de Mestrado em Direito e Segurança, organizado pela Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa.

- Professor da cadeira "Tolerância e intolerância étnica, religiosa e social" do Mestrado "Segurança, Defesa e Resolução de Conflitos" e da cadeira de Laboratório de Policia Cientifica da pós-graduação em criminologia, ambas no ISCIA (Aveiro) -. Membro do respectivo Conselho Técnico-Científico.

 

 

A Alquimia, os novos alquimistas e as novas espiritualidades



Um Outro Olhar - A Face Esotérica da Cultura Portuguesa

Fernando Pessoa e os Mundo Esotéricos
3ºEdição


Os Jardins Iniciáticos da Quinta da Regaleira

Crime: "Preocupante" o crime organizado praticado pelas "máfias de Leste"

Lisboa, (Lusa) - O presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo (OSCOT) considerou hoje "preocupante" o crime organizado praticado em Portugal pelas "máfias de Leste" que assaltam residências e ourivesarias.

"Temos máfias de Leste, temos assaltos a residências, assaltos a ourivesarias de crime organizado de romenos e moldavos", disse aos jornalista José Manuel Anes, no final de um encontro promovido pelo OSCOT para analisar o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) de 2009.

Segundo o mesmo responsável, as "máfias de Leste" são sobretudo compostas por jovens adultos, "bastante violentos" que fazem muitos assaltos.

Este texto da agência Lusa foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

13 de Abril

Relatório Europol confirma bases da ETA em Portugal

Na análise da actividade terrorista na Europa em 2009 - antes das detenções deste ano dos suspeitos etarras em Portugal -, a Europol já sabia das bases da ETA no nosso país

29 de Abril

notícia [aqui]